Vida Saudável

Uma vida saudável começa com incentivo e as dicas certas para fazer o seu dia-a-dia mais simples!


jul/2016 - Glico 2

Glicemia sob controle: entenda como seu medicamento funciona

Se você tem diabetes mellitus tipo 2, provavelmente já sabe que a doença ocorre porque seu corpo não é capaz de produzir quantidade suficiente de insulina ou têm dificuldade para usar a insulina produzida de forma adequada. Há ainda casos em que as duas situações ocorre simultaneamente.¹

A insulina é um hormônio produzido pelo pâncreas que tem como função controlar a quantidade de glicose que circula no nosso sangue, com objetivo de mantê-la em níveis saudáveis para o organismo.¹

O que muitas pessoas com diabetes não sabem é como os medicamentos agem para contribuir com a manutenção dos níveis glicêmicos saudáveis. Cada classe terapêutica atua em um mecanismo diferente do corpo, por isso, é comum que o médico opte por combinar diferentes medicamentos, na tentativa de te ajudar a controlar melhor a glicemia por vias distintas do organismo1, diminuindo os riscos e efeitos colaterais das medicações de altas doses de uma única terapia.

A escolha do melhor tratamento é bastante individualizada. Para isso, o médico vai levar em consideração uma série de fatores, como o seu quadro geral de saúde e a fase da vida em que você está (por exemplo, se você é idoso ou possui doença renal, pode ter uma prescrição diferenciada), se você tem uma tendência maior às crises de hipoglicemia, seu estilo de vida, etc.² ³

Entre os medicamentos disponíveis para o tratamento do diabetes tipo dois, a maioria age ao:

  • aumentar a sensibilidade do organismo à insulina, fazendo com que ela seja utilizada pelo organismo de forma mais eficaz;
  • aumentar a produção de insulina pelo corpo ou injetam a própria insulina;
  • inibir a produção de enzimas no pâncreas, ajudando o corpo a manter os níveis de glicemia mais baixos;
  • desacelerar o processo de digestão, também ajudando o corpo a manter os níveis de glicemia mais baixos;
  • prevenir que os rins absorvam a glicose, fazendo que seja eliminada na urina.

É sempre importante que as recomendações do médico e da bula de cada medicamento sejam rigorosamente seguidas. Se você notar algum efeito colateral da medicação prescrita, jamais interrompa o tratamento sem falar com o seu médico, mas converse com ele para que juntos possam encontrar uma opção, dentre as tantas disponíveis, que seja mais segura e adequada para você.

Alguns tratamentos a base de insulina ou outras terapias mais antigas podem, por exemplo, levar a uma queda muito agressiva dos índices glicêmicos no sangue e assim causar crises de hipoglicemia.4 Fique atento aos sinais do seu corpo e tenha um diálogo aberto com o seu médico!

Dupla imbatível!

Além da medicação mais adequada para você, a prática de atividades físicas regulares e uma alimentação saudável e balanceada são fundamentais para o controle glicêmico de qualquer pessoa com diabetes! E não se esqueça de monitorar constantemente a sua glicemia!²